terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

O mercado global orgânico continua a crescer em todo o mundo

A empresa de pesquisa de mercado Organic Monitor estima que o mercado global de alimentos orgânicos atingiu 81,6 bilhões de dólares em 2015 (aproximadamente 75 bilhões de euros). Os Estados Unidos são o principal mercado com 35,9 bilhões de euros, seguidos da Alemanha (8,6 bilhões de euros), da França (5,5 bilhões de euros) e da China (4,7 bilhões de euros). Em 2015, a maior parte dos principais mercados apresentou taxas de crescimento de dois dígitos. A maior despesa per capita foi na Suíça (262 euros), e a Dinamarca tem a maior quota de mercado orgânico (8,4% do mercado alimentar total).

Mais de dois milhões de produtores

Em 2015, foram registrados 2,4 milhões de produtores orgânicos. A Índia continua a ser o país com o maior número de produtores (585.200), seguido pela Etiópia (203.602), e o México (200.039).

Mais de 50 milhões de hectares de terras agrícolas orgânicas

Um total de 50,9 milhões de hectares foram geridos organicamente no final de 2015, representando um crescimento de 6,5 milhões de hectares comparados a 2014, o maior crescimento já registrado. A Austrália é o país com a maior área agrícola orgânica (22,7 milhões de hectares), seguido pela Argentina (3,1 milhões de hectares) e os Estados Unidos da América (2 milhões de hectares). Quarenta e cinco por cento das terras agrícolas orgânicas globais estão na Oceania (22,8 milhões de hectares), seguidas pela Europa (25 por cento, 12,7 milhões de hectares) e América Latina (13 por cento, 6,7 milhões de hectares).

Dez por cento ou mais das terras agrícolas são orgânicas em onze países

O Liechtenstein (30,2 por cento), a Áustria (21,3 por cento) e a Suécia (16,9 por cento) são os países com a maior quota de terras agrícolas orgânicas do seu total de terras agrícolas. Em onze países, 10% ou mais de todas as terras agrícolas são orgânicas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...