terça-feira, 20 de agosto de 2013

10 alimentos vendidos nos EUA que são proibidos em outros lugares.

O norte americano está lentamente percebendo que os alimentos vendidos nos EUA não só tem um sabor diferente dos alimentos vendidos em outros países, ele é produzido de forma diferente. Infelizmente, muitos alimentos dos EUA são proibidos na Europa - e por uma boa razão. Dê uma olhada na queda da saúde dos norte-americanos, qual será o papel desempenhado pelos alimentos tóxicos no aumento das taxas de doença? 

1- salmão criados em fazendas 
Peixes criados em fazendas geralmente são alimentados com uma dieta de grãos geneticamente modificados, antibióticos e produtos químicos perigosos para os seres humanos. Para mascarar a carne cinza resultante,é colocado um produto tóxico e potencialmente prejudicial à visão, a astaxantina sintética.Para obter a cor vermelha natural do salmão selvagem, os salmões de criadouro (vendido na maioria dos restaurantes), recebem astaxantina e carotenóides. Peixe rosa pálido com grandes marcas de gordura são um sinal de salmão de viveiro. 

Onde é proibido: Austrália e Nova Zelândia 

2- Mamão Papaya geneticamente modificado 
O Mamão Papaya havaiano é geneticamente modificado para ser resistente ao vírus da mancha anelar. Mas pesquisas mostram que animais alimentados com alimentos transgênicos como milho e soja sofrem dano intestinal, lesão de múltiplos órgãos, tumores, defeitos de nascimento , morte prematura e / ou esterilidade quase completa na terceira geração. Perigos para os seres humanos são desconhecidos. 

Onde é proibido: União Europeia 

3- Carne com ractopamina 
Cerca de 45 por cento dos suínos dos Estados Unidos, 30 por cento do gado e uma porcentagem desconhecida de perus são vacinados com a ractopamina, uma droga contra a asma antes do abate. Até 20 por cento de ractopamina ainda está lá quando você for comprá-lo. Desde 1998, mais de 1.700 amantes de carne suína dos EUA foram "envenenados" desta forma. Por isso essa ameaça a saúde é proibida em 160 países diferentes! A Rússia emitiu uma proibição à importação de carne dos EUA, efetiva a partir 11 de fevereiro de 2013, até que seja dado a certificação de livre de ractopamina. Em animais, esta droga está ligada à redução da função reprodutiva, o aumento da mastite e aumento da morte. Ele danifica o sistema cardiovascular humano e pode causar hiperatividade, anormalidades cromossômicas e alterações comportamentais. Atualmente, as carnes dos Estados Unidos não são sequer testados por eles. 

Onde é proibido : 160 países em toda a Europa, Rússia, China e República da China (Taiwan). 

4-Bebidas com BVO 
O Mountain Dew e outras bebidas nos EUA contem o óleo sintético (BVO), originalmente patenteado como um retardador de chama. O BVO acumula no tecido humano e no leite materno, estudos com animais relatam problemas reprodutivos e comportamentais. Altera o sistema endócrino e nervoso central e promove a deficiência de iodo, causando erupções na pele, acne, perda de apetite, fadiga e arritmias cardíacas. 

Onde é proibido: a Europa e Japão 

5- Alimentos processados e corantes alimentares artificiais 
Mais de 3.000 conservantes, aromas e cores são adicionados aos alimentos dos Estados Unidos, muitos dos quais são proibidos em outros países. Biscoitos com sabor cheddar, e muitos cereais infantis contêm corantes vermelho 40, amarelo 5, amarelo 6 e / ou azul 2 ... que podem causar problemas comportamentais, bem como câncer, defeitos congênitos e outros problemas saúde. O corante Vermelho 40 e amarelo 6 também são suspeitos de causar uma reação de hipersensibilidade do tipo alérgica em crianças. Em países onde estes corantes de alimentos são proibidos, empresas como a Kraft emprega corantes naturais, como extrato de pimentão e beterraba. 

Onde é proibido: Noruega e Áustria. A Grã-Bretanha alertou as empresas contra o uso de corantes alimentares no final de 2009. A União Europeia coloca um aviso de alerta na maioria dos alimentos que contenham corantes. 

6- Frango com arsênico 
Medicamentos à base de arsênico são aprovados nos EUA. O arsênico é utilizado porque ele fazem os animais crescerem mais rápido e dão a carne um ar de "mais fresca." O FDA diz que medicamentos à base de arsênico são seguros, porque contêm arsênico orgânico ... Mas arsênico orgânico pode se transformar em arsênico inorgânico ,através de esterco contaminado e contaminando a água potável. A União Europeia nunca aprovou o uso de arsênico na alimentação animal; grupos ambientalistas dos EUA processaram a FDA para removê-los. 

Onde é proibido : A União Europeia 

7-Pão com bromato de potássio 
Pão de hambúrguer e cachorro-quente são "enriquecidas" com bromato de potássio, ou brometo, provocando danos aos rins ao sistema nervoso, problemas de tireóide , desconforto gastrointestinal e câncer.Enquanto as empresas de panificação comerciais afirmam que torna a massa mais tolerável outros empresas usam apenas farinha sem bromato e não experimentam "problemas estruturais". 

Onde é proibido : Canadá, China e UE 

8-Olestra / Olean 
Olestra ou Olean, criado pela Procter & Gamble, é um produto substituto da gordura sem colesterol para lanches livres de gordura, como batatas fritas. Há três anos, a revista Time nomeou-o como uma das 50 piores invenções de todos os tempos. Um estudo de 2011 da Universidade de Purdue concluiu que ratos alimentados com batatas fritas feitas com Olean ganharam peso, tiveram várias reações adversas no intestinal incluindo diarreia e cólicas. De acordo com o estudo ele interfere na absorção de vitaminas solúveis em gordura, tais como A, D, E e K, o FDA exige que estas vitaminas sejam adicionadas a qualquer produto feito com Olean ou olestra. " 

Onde é proibido: O Reino Unido e Canadá 

9-Conservantes BHA e BHT 
O BHA (hidroxianisole butilado) e o BHT (hidroxitolueno butilado) são conservantes comuns utilizados em alimentos, como cereais, goma de mascar, manteiga, cerveja e carne. Relatório de 2011 do Programa Nacional de Toxicologia em agentes cancerígenos, afirma que o BHA pode desencadear reações alérgicas e hiperatividade e "é razoavelmente esperado ser um carcinógeno humano." 

Onde é proibido: Ambos são proibidas em partes da União Européia e Japão ; o Reino Unido não permite BHA em alimentos infantis. 

10-O leite e os produtos lácteos fabricados com rBGH 
O Hormônio recombinante de crescimento bovino (rBGH), uma versão sintética do hormônio natural bovino é injetado em vacas para aumentar a produção de leite.A Monsanto desenvolveu a partir de bactérias E. coli geneticamente modificadas, comercializado como "Posilac". Mas é proibido em pelo menos 30 outras nações. Por quê? Ele converte células de tecidos normais em cancerosas, aumentando os riscos de câncer de mama, próstata.Entre outras doenças, as vacas que vacinadas com o Posilac sofrem taxas exorbitantes de mastite, contaminando o leite com pus e antibióticos.Em 1997, dois jornalistas investigativos ,Jane Akre e Steve Wilson tentaram expor os perigos da rBGH , mas os advogados da Monsanto prometendo "terríveis consequências" se a história fosse ao ar. 

Onde é proibido : Austrália, Nova Zelândia, Israel, União Européia e Canadá 

Assuma o controle de sua saúde com comida de verdade 

Se você valoriza a sua saúde, evite alimentos que contenham ingredientes nocivos e largue os alimentos processados completamente - mesmo se eles são permitidos nos EUA. Opte por alimentos frescos, integrais, e orgânicos. 

Fonte: http://www.care2.com

9 comentários:

  1. O que é preocupante é que aqui esses são permitidos e até produtos que nos USA não permitem aqui é liberado,de alimentos a automóveis somos muito liberais pagamos mais aceitamos tudo sem restrição nem contestação e muito menos informação clara e confiável.

    ResponderExcluir
  2. Mais quase tudo isso também é usado aqui no Brasil.

    ResponderExcluir
  3. Vai falar disso lá na áfrica central pra ver o que acontece. Preocupação de patricinha que acha que o corpo é um templo, não comem nada com conservantes, mas vivem entupindo a cabeça com formol pra ficarem mais dentro do padrão de beleza. Antigamente as pessoas comiam bife frito na banha do porco e não morriam, hoje em dia se tu assa uma carne na brasa vai ter neguinho dizendo que a fuligem do carvão causa câncer. Quem tem dinheiro que compre alimentos orgânicos e invente noticias para justificar seus gastos. Não comem tal carne, pq em determinado momento o tal animal foi alimentado com milho transgênico, mas não sabem o que é transgênico, não sabe como é feito; com a exceção de noticias baseadas em factóides, não sabem dos efeitos no organismo e nunca viram uma rota metabólica na vida. Se as pessoas se preocupassem menos com o que comem e mais com quem não tem o que comer o mundo seria um lugar um pouquinho melhor. Enquanto tem gente morrendo de sede e fome na áfrica tem playboyzinho se preocupando com maus tratos aos peixes de cativeiro...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Tenho que concordar com a parte das porcarias que as patricinhas colocam na cabeça em salões de beleza, eu frequento o mínimo possível cabelereiros, pois simplesmente não consigo respirar dentro destes ambientes. Mas a banha de antigamente não tinha a mesma quantidade de porcarias que tem as nossas comidas de hoje em dia, reclamar sobre estas coisas não é frescura, grandes corporações fazem fortuna a custo da nossa saúde, você acha isso certo? E estas mesmas corporações muitas vezes apoia governos corruptos que mantêm tanta gente na miséria.

      Excluir
  4. Carne com ractopamina é proibida em "160 países em toda a Europa, Rússia, China e República da China (Taiwan)"? Desde quando a europa tem 157 países?

    ResponderExcluir
  5. Uma coisa que eu acho idiota é o facto de o Kinder ovo ser proibido nos EUA porque junta brinquedos com comida. Enquanto que estas porcarias, que devem ser bem piores que comida e brinquedos juntos, são permitidas.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...