sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Comprar orgânicos nos E.U.A é melhor mesmo quando os tempos são difíceis


O alimento orgânico é agora o segmento de maior crescimento na agricultura dos E.U.A. Em 2007, o valor das vendas de varejo do alimento orgânico foi estimado em mais de $20 bilhões. De acordo com o instituto do mercado de alimento, mais da metade dos americanos compram hoje algum produto orgânico pelo menos uma vez por mês.
Esperasse o crescimento da indústria a uma taxa de 18% ao ano até 2010, fazendo das vendas de alimento orgânico um dos setores de maior crescimento na economia dos E.U.A. O corte no consumo dos produtos orgânicos não é uma opção para muitas pessoas que estão se esforçando para refazer a economia doméstica.

O cultivo orgânico oferece uma diferença

Só nos E.U.A, mais de um bilhão de libras de inseticidas são liberadas no meio ambiente em conseqüência das práticas não-orgânicas. Alguns destes são muito persistentes e permanece no meio ambiente por muito tempo após a aplicação. O teste extensivo de resíduo de inseticida elaborado pelo USDA encontrou nas frutas e verduras convencionalmente produzidas, três a quatro vezes mais inseticidas do que no produto orgânico, e estas contem oito a onze vezes mais resíduos múltiplos encontrados em amostras orgânicas.
Os métodos agriculturais convencionais podem causar a contaminação da água. Iniciando em 1995, uma rede de ONG’s, incluindo a Environmental Working Group, testou a água da torneira para herbicidas em Louisiana e em Maryland. Os resultados revelaram contaminação difundida de água da torneira com muitos inseticidas diferentes a níveis que apresentam riscos sérios para a saúde.
Em algumas cidades, os herbicidas na água da torneira excederam a padrões federais de saúde por semanas ou meses. A eliminação dos produtos químicos e nitrogênio que lixiviam no solo, pelo uso de métodos de cultivo orgânico, impediriam a contaminação, protegeriam e conservariam os recursos hídricos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...