quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Criada Associação Brasileira da Agricultura Familiar Orgânica


Na manhã desta quarta-feira (08-12), foi criada a Associação Brasileira da Agricultura Familiar Orgânica, Agroecológica e Agroextrativista (Abrabio), que reúne 51 empreendimentos da agricultura familiar de todas as regiões do país. O anúncio foi feito durante a abertura do 2º Encontro Nacional de Agricultura Familiar Orgânica, que prossegue até quinta-feira (09-12), no Instituto Bíblico de Brasília.
Na abertura do encontro, o secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Daniel Maia, destacou que a organização da associação permitirá a inserção dos produtos orgânicos em um processo mais forte de negociação com os mercados interno e externo. “A constituição dessa associação e o sucesso dela para o MDA é importante por ser uma possibilidade de reforçar um conjunto de exemplos que demonstram a necessidade do Brasil apostar no desenvolvimento do rural brasileiro e para contribuir na consolidação das políticas públicas do MDA desenvolvidas para o segmento”.
Daniel afirmou que o MDA há tempos vem desenvolvendo e trabalhando políticas públicas para o setor, a iniciativa de criação da associação vai garantir a produção e a comercialização dos produtos sustentáveis da agricultura familiar.“Que esta ação garanta o sucesso desse país na produção de alimentos e na geração de riquezas”.O diretor do Departamento de Geração de Renda e Agregação de Valor da Secretaria da Agricultura Familiar do MDA, Arnoldo de Campos, ressaltou que o momento é histórico.
“O MDA está apoiando esta ideia deste o início, com políticas públicas e programas do governo federal, com linhas de crédito do Pronaf, com o serviço da assistência técnica e extensão rural e com a participação dos empreendimentos nas feiras da agricultura familiar”.O diretor disse que existem hoje cerca de R$ 1,6 bilhão de recursos disponíveis do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) para compra de produtos orgânicos.
“Esses programas querem comprar produtos sustentáveis”, ressaltou Arnoldo.Arnoldo de Campos esclareceu que a Abrabio vai representar o interesse do mundo orgânico, potencializando a área de promoção comercial e promovendo um diálogo de desenvolvimento econômico sustentável. “O mercado de orgânicos tem crescido de 5% a 10% por ano.Outro grande desafio é fazer com que pequenos produtores se organizem e passem a ter mais capacidade para acessar o mercado consumidor”.Nesta quinta-feira (09-12), haverá a apresentação do processo eleitoral Abrabio e atividades voltadas para o planejamento estratégico do grupo.

A Abrabio

A associação foi criada para representar o universo de agricultores familiares, agroextrativistas, ribeirinhos, indígenas e quilombolas que trabalham com produtos orgânicos, sejam eles produzidos para uso naturais ou extraídos da natureza para confecção de artesanato. Os produtos dos empreendimentos associados já estão sendo exportados para 15 países.Segundo Iran Trentim, representante da Cooperafe e membro da comissão da Abrabio, a associação congrega hoje 12 mil famílias do meio rural de 18 estados brasileiros, com um faturamento anual de, aproximadamente, R$ 25 milhões. “A meta é expandir e saltar de 52 empreendimentos associados para 200 no decorrer de 2011”, relatou Trentim.
Iran falou da importância do momento em nome dos 51 empreendimentos presentes no encontro. “A Abrabio nasceu de um processo solidário que uniu o esforço de vários trabalhadores do campo, foi uma longa caminhada até chegarmos aqui. Temos que agradecer o apoio recebido das políticas do MDA, queremos avançar mais e crescer junto com o Brasil”, destacou.




Fonte: http://www.sonoticias.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...