terça-feira, 26 de junho de 2012

Aceita um cafezinho ‘orgânico’?

Não existe bebida mais popular para ser consumida durante o dia a dia dos brasileiros do que o cafezinho. Este líquido encorpado, de gosto forte e amargo que possui efeito estimulante e agrada pessoas de qualquer faixa etária ou classe social, é conhecido internacionalmente por ter sido responsável em impulsionar o crescimento do Brasil no que diz respeito as mudanças políticas, econômicas e sociais a partir da metade do século XIX. Entretanto, um novo formato da bebida ganha destaque nesta geração: o café orgânico. Os assuntos relacionados a preservação ambiental, bem como os cuidados com a saúde estão em pauta constantemente.Ricardo Cruz, sócio-fundador da Nação Verde, rede de franquias de sustentabilidade que desenvolve e comercializa produtos naturais e orgânicos da linha de alimentação, explica que “o fruto é cultivado sem a utilização de fertilizantes químicos e agrotóxicos. 
De forma alternativa, o cafeicultor produz a árvore com fertilizantes orgânicos, adubos verdes e intensivo cuidado do solo”, ainda segundo o empresário, “a versão orgânica da bebida está ganhando cada dia mais pessoas preocupadas em ter uma melhor qualidade de vida, garantindo seu bem-estar diário”, afirma.Não existem dúvidas de que o cafezinho, seja ele quente ou frio, doce ou amargo, com ou sem leite, continuará o mais brasileiro de todos, já que segundo a Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC), são consumidos por cada brasileiro cerca de 82 litros da bebida por ano.“Várias pessoas já incluíram o café orgânico no seu dia a dia. Cerca de 50% dos nossos clientes visitam a Nação Verde para apreciar a bebida preparada na hora ou levam a granel para ter o produto sempre em casa. O cafezinho já representa 10% do faturamento da rede”, comenta Cruz.
Em relação a cafeicultura tradicional a orgânica ainda representa uma porcentagem pequena, mas é uma prática que promove ao pequeno produtor valorização social e econômica, além de contribuir com a preservação ambiental e promover a cultura.Sobre a Nação Verde: A rede de franquias Nação Verde foi criada em 2010 pelo empreendedor Ricardo Cruz com a proposta de estimular nas pessoas o hábito de consumo saudável e sustentável. Os diferenciais da empresa são o desenvolvimento e a comercialização de produtos naturais e orgânicos com as linhas de alimentação, beleza, pet e higienização. 

Fonte: http://www.inteligemcia.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...