domingo, 27 de fevereiro de 2011

Produção orgânica se diferencia por respeitar a natureza

As técnicas de produção orgânica são destinadas a incentivar a conservação do solo e da água e reduzir a poluição. O produto hidropônico, por exemplo, não faz parte desta categoria, pois em seu cultivo são utilizados produtos químicos.
Segundo o Instituto Biodinâmico (IBC), um certificador brasileiro reconhecido internacionalmente, a produção orgânica no Brasil cresce 30% ao ano e ocupa atualmente uma área de 6,5 milhões de hectares de terras, colocando o País na segunda posição dentre os maiores produtores mundiais de orgânicos principalmente devido ao extrativismo sustentável de castanha, açaí, pupunha, látex, frutas e outras espécies das matas tropicais, com destaque para a Amazônia.
No mercado interno, os produtos mais comuns são as hortaliças, seguidos de café, açúcar, sucos, mel, geléias, feijão, cereais, laticínios, doces, chás e ervas medicinais. Pelo menos 80% dos projetos certificados no Brasil são de pequenos agricultores familiares (cerca de 20 mil agricultores). Muitas famílias consomem e vendem o que plantam.
O selo de certificação é a garantia do consumidor de estar adquirindo produtos orgânicos isentos de qualquer resíduo tóxico. O sistema de cultivo orgânico observa as leis da natureza, respeita as diferentes épocas de safra e todo o manejo agrícola está baseado na preservação dos recursos naturais, além de respeitar os direitos de seus trabalhadores.



Fonte:http://www.moginews.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...