quarta-feira, 25 de agosto de 2010

USDA estende prazo para uso de metionina na produção do frango orgânico

O USDA Organic, braço do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos que administra a produção de alimentos orgânicos, anunciou nesta terça-feira uma alteração na Lista Nacional de Substâncias Proibidas e Liberadas, que estende a permissão da utilização de metionina sintética na produção do frango orgânico. A norma provisória, que foi publicada no Federal Register (jornal oficial do Governo norte-americano) e está em consulta pública, é baseada na recomendação do National Organic Standards Board, que tem a missão de fazer recomendações sobre a proibição ou não de substâncias na produção de orgânicos.
A liberação da metionina para este tipo de criação é válida até outubro de 2012, com os seguintes limites máximos admissíveis por tonelada de ração: 1,81 Kg para poedeiras, 2,2 Kg para frangos e 2,73 Kg para perus e todas as outras aves. A metionina é um aminoácido essencial na dieta de aves para o crescimento celular e o desenvolvimento de penas. Ela está naturalmente presente nas rações avícolas, mas não em quantidade suficiente para as necessidades das aves. O National Organic Standards Board concluiu que a não utilização da metionina sintética poderia prejudicar economicamente o mercado de orgânicos nos EUA.A nova regra entra em vigor em 1º de outubro e as sugestões podem ser enviadas até o dia 25 de outubro através do www.regulations.gov.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...