quinta-feira, 6 de maio de 2010

Um relatório do governo norte-americano recomenda que as pessoas comam mais produtos orgânicos.


Um relatório do governo afirma que a produção agrícola norte-americana pode estar colocando o público em risco para o câncer e recomenda que as pessoas comam mais produtos orgânicos. O estudo foi divulgado hoje pelo Cancer Painel e é um olhar sobre os riscos potenciais do meio ambiente. O painel de câncer tem dois membros - o terceiro assento está vago - e ambos foram nomeados pelo Presidente George W. Bush.
O estudo inclui um capítulo sobre a agricultura e trás uma série de riscos potenciais à saúde, incluindo os dos pesticidas, como o herbicida atrazina, que é usado em campos de milho, mas também de fertilizantes nitrogenados e de produtos farmacêuticos veterinários. Fertilizantes podem aumentar risco de câncer através da repartição do azoto durante a digestão, afirma o estudo. O nitrogênio dos campos se infiltra no solo indo para os locais de abastecimentos de água potável.
A Agência de Proteção Ambiental está tendo um outro olhar para os riscos de saúde possíveis da atrazina, um produto da Syngenta, (A agência já havia concluído que a atrazina era segura.)
Mas o Instituto de fertilizantes, o grupo comercial que representa os fabricantes de fertilizantes, expressou estar surpreendido com o relatório. "Não temos conhecimento de qualquer informação científica que merece menção aos adubos presentes no relatório, quando na verdade os nutrientes encontrados nos adubos são exigidos por todos os organismos vivos", disse o grupo.
O grupo disse que há evidências de que a exposição aos nitratos realmente melhora a qualidade nutricional de frutas e legumes. O relatório diz que os antioxidantes encontrados em frutas e verduras podem proteger uma pessoa de contrair cancro dos nitratos.
O estudo recomenda que os consumidores comprem alimentos cultivados sem o uso de pesticidas ou fertilizantes químicos e lavem bem os cultivados convencionalmente para remover os resíduos tóxicos. O painel também recomenda comer carne produzida sem antibióticos e hormônios de crescimento. (alguns alimentos orgânicos ainda são produzidos com a utilização de pesticidas, embora eles não sejam as versões sintéticas citadas no estudo).
A American Cancer Society, afirmou que o relatório está desequilibrado, mas o presidente do Breast Cancer Fund, um grupo de defesa ambiental, chamou o relatório de"um divisor de águas que pode transformar não só a política federal sobre o câncer, mas sobre os produtos químicos".


Tradução e Pesquisa:Mundo Orgânico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...