quarta-feira, 31 de março de 2010

A demanda por produtos ecológicos persiste apesar da desaceleração econômica


Apesar das dificuldades econômicas, mais de um terço (35%) dos que responderam a uma recente pesquisa disseram que estão dispostos a pagar mais por produtos ecologicamente corretos.
"Tendo em conta este aumento de interesse no meio ambiente ao longo dos últimos anos, quase todos os segmentos de produtos de consumo oferecem agora uma opção 'verde' para os seus clientes", comenta Chris Haack, analista sênior da Mintel, que produziu o levantamento.
Ele afirma que os alimentos e bebidas, e produto de higiene pessoal, são as duas categorias mais maduras e perfazem a maioria dos produtos ecológicos no mercado.

Alimentos e Bebidas

Após o rápido crescimento das vendas de mais de 24% a partir de 2006-08, os alimentos naturais e orgânicos e a categoria de bebidas viu apenas um ligeiro crescimento em 2009 (1,8%) quando a recessão tomou conta em quase todos os setores do mercado de bens de consumo. Apesar dessa estabilização, as vendas neste segmento deverão crescer cerca de 20% a partir de 2010 a 2012.
Apenas 21% dos compradores de alimentos orgânicos reduziram ou eliminaram a compra de orgânicos, enquanto 20% passaram a comprar opções mais baratas de orgânicas. Entretanto, quase a metade (48%) está comprando tanto alimento orgânico ou mais do que antes da recessão. Isso sugere que o alimento orgânico é um elemento central do estilo de vida para muitas pessoas que podem fazer cortes em outras áreas do seu orçamento antes de se deixar os orgânicos.

Higiene Pessoal

A venda de produtos ecológicos de cuidados pessoais aumentou 18%, entre2006-08 e semelhante à de alimentos e bebidas, viu apenas uma ligeira inclinação, em 2009 (1,2%). Este segmento está pronto para retomar o crescimento rapidamente, uma vez que o consumo começa a se recuperar da atual crise. Um terço de todos os consumidores nunca usaram produtos orgânicos ou produtos naturais de higiene pessoal, sugerindo que há muito espaço para crescimento neste mercado.
De acordo com a Mintel's Global New Product Database (GNPD), novos produtos orgânicos ou naturais atingiram apenas 5% de lançamento em todo o setor de beleza e cuidados pessoais em 2006, mas aumentou para quase 10% em 2008 e manteve-se estável até 2009.
Segundo Haack, "esperamos ver uma tendência crescente para o crescimento em escala dos produtos verde de higiene pessoal orientados para os spas, salões de beleza e outros pontos de venda nos próximos anos."

Tradução e Pesquisa:Mundo Orgânico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...