quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Empresa de alimentos orgânicos do príncipe Charles perdeu 3.3 milhões de libras em 2009


A empresa de Alimentos Orgânicos do príncipe Charles, Duchy Originals, registrou perdas no valor de 3.3 mil toneladas em 2009. A empresa teve que pedir um empréstimo de 1,5 milhões de libras para a Fundação de Caridade do herdeiro do trono britânico para continuar.
A Duchy Originals, que o príncipe criou em 1990, em um esforço para provar que havia um mercado para alimentos orgânicos, doa os lucros aferidos para a Fundação de Caridade do príncipe, o seu proprietário final. Mas, de acordo com a contabilização, não conseguiu fazê-lo durante os últimos dois anos,segundo os relatórios do Daily Express.
A Duchy Originals entregou mais de sete milhões de libras para a instituição de caridade desde a sua criação, mas a empresa tem sido duramente atingida nos últimos anos por uma queda de 25 por cento da procura de alimentos orgânicos, após alegações de que ele não era melhor do que o alimento comum, e um aumento acentuado no custo dos ingredientes.
Em setembro, o gigante supermercado Waitrose tentou salvar a empresa depois de assinar um contrato de licenciamento exclusivo para fabricar, distribuir e vender produtos Duchy Originals.Foi aumentado sua gama de produtos de 200 para 500 itens, a fim de gerar mais dinheiro para suas obras de caridade.
As perdas de 3,27 milhões de libras e do empréstimo de 1.5 milhões de libras foram divulgadas na prestação de contas relativas ao exercício findo, em 31 de março de 2009.
A porta-voz do Príncipe Charles admitiu que a sua fundação de caridade tem continuado a apoiar financeiramente a empresa desde então.
"Está sendo apoiado temporariamente o fluxo de caixa. Esse apoio tem continuado neste exercício. O dinheiro será reembolsado no futuro próximo", afirmou a porta voz..


Tradução e Pesquisa:Mundo Orgânico

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...