sábado, 21 de novembro de 2009

Costa Rica: CIAO debate crescimento do mercado mundial de produtos orgânicos


A Comissão Interamericana de Agricultura Orgânica (CIAO) reune, até o dia 20 de novembro, autoridades de 15 países da América, em San José, Costa Rica.Em sua primeira assembléia, iniciada dia 17 de novembro, a Comissão debate as diretrizes e políticas para o seu bom funcionamento e elegerá o seu primeiro Conselho AdministrativoEm julho de 2008, os Ministros da agricultura do hemisfério criaram a Comissão, com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento da atividade nos países e facilitar o comércio de seus produtos.
O vice-ministro da Agricultura de Costa Rica, Carlos Villalobos, disse durante a abertura da Assembléia que "a agricultura orgânica promove oportunidades para pequenos e médios produtores”.A atividade tem crescido significativamente. O mercado global de produtos orgânicos em 2007 mobilizou um total de USD 46 bilhões e ofereceu mais de 2 mil variedades entre os produtos e artigos. No entanto, eles ainda representam menos de 3% do faturamento total de alimentos no mundo inteiro.Villalobos disse que "em meio à crise financeira que varre o mundo esta é uma alternativa para países em desenvolvimento.
"Atualmente, a CIAO é a primeira instância regional que trabalha formalmente o tema. O Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) é responsável pelo exercício do Secretariado Técnico, um mandato da Junta Interamericana de Agricultura (JIA), o órgão superior de governo do Instituto."Se queremos avançar no desenvolvimento da agricultura orgânica e facilitar o comércio em todo o mundo, não podemos adiar a discussão sobre temas como os mercados locais e nacionais para produtos orgânicos, a certificação pública, a certificação de produtos orgânicos e de segurança alimentar”, disse o Diretor Geral a.i. do IICA, Dowlat Budhram.Dos 32,2 milhões de hectares certificados como orgânicos no mundo em 2007, 24% (8,6 milhões de hectares) estão nos países da região.
Além disso, dos 1,2 milhões reconhecidos como produtores de orgânicos no mundo, 19,3% (cerca de 240 mil produtores) estão nos países das Américas.A CIAO tem de enfrentar uma série de desafios, pois deverá coordenar e promover o desenvolvimento do setor, fortalecer suas instituições para harmonizar as normas de produção e controle de produtos biológicos, e servir como um mecanismo de consulta, articulação e cooperação entre os países.Segundo o coordenador do Programa Hemisférico de Agricultura Orgânica do IICA, Pedro Cussianovich, "esta atividade é uma opção econômica e comercialmente viável para os pequenos produtores, dada a existência de um mercado em crescimento".

Fonte: Assessoria de Imprensa

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...