terça-feira, 28 de abril de 2009

Alemanha é a força motriz do setor orgânico europeu



Depois de vários anos de boom com crescimento na faixa de 15% ao ano, o mercado alemão de alimentos orgânicos cresceu ao alto nível de 10%, como de costume, no primeiro semestre de 2008, de acordo com o instituto de pesquisa de consumo GfK.Sua participação em todo o mercado de alimentos é de 3,2%, quase o dobro de 2004. Com relação aos números de crescimento anual, as estatísticas européias são encabeçadas pela Dinamarca, que foi o País do Ano na BioFach 2009, com 33%, seguida pela Suécia com 26%.
A líder em termos de tamanho de mercado em bilhões de Euros é a Alemanha, onde as vendas de alimentos orgânicos cresceram em 700 milhões de Euros, chegando a um total de 5,3 bilhões de Euros em 2007. Quase 79% do crescimento nas vendas foram atribuídos ao comércio varejista convencional de alimentos, de acordo com Ulrich Hamm da Universidade de Kassel e Markus Rippin da Agromilagro. As cadeias de comércio convencional aumentaram sua participação de mercado em 4%, atingindo 53%; os varejistas de alimentos orgânicos e os agricultores perderam 1% cada, chegando a uma fatia de mercado de 22% e 10%, respectivamente. Os processadores de alimentos ­ inclusive padarias e açougues orgânicos ­ responderam novamente por 5%, e a participação do setor de alimentos naturais caiu 1%, para 4%. O grupo de diversos, incluindo canais como drogarias, chegou a 6%. Em termos absolutos, as vendas no varejo convencional de alimentos subiram de 2,25 para 2,8 bilhões de Euros e, no varejo especializado em alimentos orgânicos, subiram de 1,08 bilhão de Euros para 1,18 bilhão de Euros. A Alemanha é sede da Feira de Negócios mais importante do setor orgânico , a BioFach, cuja versão latino-americana acontece no Brasil , em São Paulo. Em 2009, a BioFach América Latina/ExpoSustentat acontecerão de 28 a 20 de outubro de 2009, no Transamérica Expo Center.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...